quarta-feira, 23 de março de 2016

HOJE PRECISO

Hoje preciso de pérolas a lamber-me a pele.

Preciso da sua suavidade serena 
e da sua leveza selvagem e doce.

Preciso do arrepio do seu toque frio
e de sentir, como aquecem quando me beijam o corpo.

Hoje preciso de pérolas.

Com elas, vou inventar histórias,
orações e fantasias,
melodias e poemas
carícias sem nome nem voz
magia,
ternura,
paixão.

Apenas as pérolas e eu,
esperando o teu regresso.


©Graça Costa