quinta-feira, 29 de outubro de 2015

ANTES QUE SEJA TARDE

Antes que seja tarde,
quero viver.

Antes que seja tarde,
quero saborear o amanhecer.

Antes que seja tarde,
quero sentir ...sentir muito.

Antes que seja tarde,
quero ser tudo aquilo que não fui
por  medo,
cobardia,
insegurança,
preguiça.

Antes que seja tarde,
quero a fusão da pele,
o brilho dos sentidos ,
as palavras pensadas
mas nunca ditas,
o medo da perda
e o sabor da conquista,
a adrenalina da luta,
a insensatez da procura
a loucura do momento,
o que fica depois de te ter.

Antes que seja tarde,
quero soltar as amarras,
olhar o horizonte
com alma de navegante
errante e inquieto,
galopar a brisa
partilhar com o vento
o desafio das marés
e partir ao encontro de mim.

Antes que seja tarde…

©Graça Costa